Welcome to
Big Bang Brazil
Bem-vindo

Criada em 12 de setembro de 2010, a Big Bang Brazil é a fanbase brasileira dedicada ao grupo sul coreano Big Bang. Nossa missão é trazer as últimas notícias sobre o Big Bang, além de promover o grupo e sua música no Brasil. Com isto, buscaremos nos tornar a melhor fanbase brasileira do Big Bang. Cadastre-se no fórum, comente no site e divirta-se bastante. Aqui você é VIP!

Muitas celebridades, à medida que vão acumulando riquezas, passam a investir em imóveis para obter uma fonte de renda estável além de seu trabalho principal.

 

Aqui estão 10 celebridades do K-pop que são publicamente conhecidos como grandes proprietários de edifícios.

 

(Partes não referentes aos membros do BIGBANG foram omitidas.)

 

2. BIG BANG’s Daesung

 

 

Em 2017, Daesung comprou um prédio próximo da Estação de Apgujeong avaliado aproximadamente em 27,7 milhões de dólares (Mais de 114.M de reais).

O prédio tem oito andares e o aluguel traz para Daesung cerca de 84,500 dólares (aproximadamente 350 mil reais) por mês.

 

4. BIG BANG’s Taeyang

 

 

 

Em maio de 2016, Taeyang comprou um prédio de 7 andares em Hannam, por cerca de 6,9 milhões de dólares (aproximadamente 29 milhões de reais). Os depósitos de segurança para o prédio totalizam cerca de 357.000 mil dólares (aproximadamente 1.5 milhões), enquanto os alugueis mensais trazem cerca de 26.800 (110 mil reais).

 

 

Em 2014, Taeyang também comprou uma casa localizada na UN Village em Hannam, por 3,75 milhões de dólares (15 milhões de reais).

 

 

7. BIG BANG’s G-Dragon

Published by Graziele Chaves

Embora tenha sido apenas alguns meses desde que o BIGBANG anunciou seu hiato, o membro mais jovem do grupo, Seungri, já provou ser capaz de empreender sozinho.

 

Seungri era conhecido por ser um dançarino excepcional em sua cidade natal de Gwangju. Depois de aparecer em um programa destinado a encontrar a próxima geração de artistas, ele foi procurado pela YG Entertainment para fazer um teste para o BIGBANG; ele debutou com o grupo em 2006.

 

 

Embora o grupo não tenha sido um sucesso desde o início, Seungri recebeu uma série de oportunidades enquanto o grupo aumentava sua base de fãs. Em 2008, sua música solo “Strong Baby” ganhou prêmios. Ele também se tornou o primeiro membro do grupo a atuar em um musical.

Published by Graziele Chaves

Em seu Instagram pessoal, o presidente da YG Entertainment, Yang Hyun Suk, revelou detalhes sobre o novo parceiro de negócios.  

 

Yang Hyun Suk postou imagens de um cartão de visitas onde Seungri aparece como CEO da YGX. As hashtags incluem as frases “parceiros de negócios”, “inauguração em agosto em Hongdae” e “lar de futuras estrelas”.  

Published by Graziele Chaves
O membro mais novo do grupo representante da Coréia, BigBang, o cantor Seungri, também CEO da sua agência de DJs, está seguindo o caminho empresarial com seus variados negócios. A Below Korea se reuniu com Seungri antes da inauguração da sua nova casa noturna “Burning Sun” e seu novo projeto EDM.
P: Prazer em conhecê-lo. Estamos curiosos sobre o que o Seungri do Bigbang está fazendo atualmente.
Seungri: Felizmente, estou bastante ocupado. Atualmente, estou me preparando para um novo álbum solo, conforme informado anteriormente pelo presidente Yang Hyun Suk em suas redes sociais.
Published by Graziele Chaves

É de conhecimento de alguns os projetos e negócios de Seungri, no entanto, existem aqueles que ainda não conhecem o trabalho dele (fora do grupo). Para que possam apoia-lo em seus projetos, nós reunimos informações sobre todos os empreendimentos e atividades individuais de Seungri.

 

Monkey Museum

 

Seguindo sua paixão pelas noites agitadas, Seungri resolveu investir em sua própria casa noturna (Lounge Club). Inaugurada em 27 de julho de 2016 no bairro de Cheongdam-dong, em Gangnam, bairro conhecido pelo seu grande poder econômico, negócios e clubes de famosos.

O Clube é gerenciado por seu amigo de confiança, Lee Moon Ho, que também o CEO da Monkey Museum. O nome, acreditamos nós, que seja uma homenagem de Seungri ao membro mais velho do grupo, T.O.P, combinando “Monkey” (Macaco) com “Museum” (Museu), formando o “Museu dos Macacos”. T.O.P foi o único membro a ir prestigiar a casa após sua inauguração.

Após alguns meses, Seungri expandiu sua marca e lançou uma nova Monkey Museum em Changsha, na China, em sociedade com a Luk Hing Entertainment, no qual investiu 14 milhões de dólares e teve 45 milhões dólares em retorno.

 

Monkey Museum –…

Published by Graziele Chaves